19 outubro, 2014

PELO DEBATE e não embate.

PELO DEBATE e não embate.

De hoje até domingo será a última semana para que os brasileiros tenham  a oportunidade de decidir entre os candidatos Aécio ou Dilma para a conduçao do país. Talvez tenhamos mais uns dois debates na TV e fosse eu marqueteira de ambos, orientaria aos candidatos para que procurassem enfocar os pontos dos respectivos programas, cessando os ataques, os disse que disse”, os adjetivos pouco elogiosos, o tom raivoso, as caras amarradas de rancor.

Gostaria de ouvir, e creio que seria fundamental para os mais jovens, Aécio e Dilma se colocarem a respeito do Fator Previdenciário. Faça um teste: pergunte ao seu filho ou neto de menos de 25 anos se ele sabe o que é “Fator Previdenciário” e como isso interfere na sua futura aposentadoria pela Previdência Oficial. 

Gostaria de ouvir, e creio que seria importante para os mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam e propõem quanto: a reforma trabalhista, a reforma política, a reforma tributária.

Gostaria de ouvir, e creio que seria interessante para os mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam a respeito do Fundo Soberano. Faça um teste: pergunte ao seu filho ou neto de menos de 25 anos se ele sabe o que é Fundo Soberano, para que foi criado, como funciona e o uso que o Governo faz dele para fechar suas contas anuais.

Gostaria de ouvir, e creio que despertaria a atenção dos mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam a propósito da maioridade penal,  a possibilidade de correção automática do salário mínimo conforme o crescimento da economia brasileira (PIB), ) a legalização do aborto, a descriminalização do comércio de maconha, a privatização ou a estatização de empresas,  a regulação do conteúdo dos meios de comunicação e o passe livre no transporte público, uma das principais demandas das manifestações de rua em 2013.

Esses temas, que fogem ao domínio popular, dariam a clara face de cada candidato. Por enquanto, o que a moçada assiste nas telas da TV é a face do ódio e as palavras de calúnia, injuria e difamaçao e essas posturas somente desmerecem a política e passa a mensagem de que política e políticos não são coisas de gente séria.

Quanto as mídias sociais talvez seja tarde para que se recuperem. A civilidade, o respeito e o bom senso há muito juntaram as malas e abandonaram a web. Evidentemente com raras e louváveis exceçoes

De hoje até domingo será a última semana para que os brasileiros tenham a oportunidade de decidir entre os candidatos Aécio ou Dilma para a conduçao do país. Talvez tenhamos mais uns dois debates na TV e fosse eu marqueteira de ambos, orientaria aos candidatos para que procurassem enfocar os pontos dos respectivos programas, cessando os ataques, os disse que disse”, os adjetivos pouco elogiosos, o tom raivoso, as caras amarradas de rancor.

Gostaria de ouvir, e creio que seria fundamental para os mais jovens, Aécio e Dilma se colocarem a respeito do Fator Previdenciário. Faça um teste: pergunte ao seu filho ou neto de menos de 25 anos se ele sabe o que é “Fator Previdenciário” e como isso interfere na sua futura aposentadoria pela Previdência Oficial. 

Gostaria de ouvir, e creio que seria importante para os mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam e propõem quanto: a reforma trabalhista, a reforma política, a reforma tributária.

Gostaria de ouvir, e creio que seria interessante para os mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam a respeito do Fundo Soberano. Faça um teste: pergunte ao seu filho ou neto de menos de 25 anos se ele sabe o que é Fundo Soberano, para que foi criado, como funciona e o uso que o Governo faz dele para fechar suas contas anuais.

Gostaria de ouvir, e creio que despertaria a atenção dos mais jovens, o que Aécio e Dilma pensam a propósito da maioridade penal, a possibilidade de correção automática do salário mínimo conforme o crescimento da economia brasileira (PIB), ) a legalização do aborto, a descriminalização do comércio de maconha, a privatização ou a estatização de empresas, a regulação do conteúdo dos meios de comunicação e o passe livre no transporte público, uma das principais demandas das manifestações de rua em 2013.

Esses temas, que fogem ao domínio popular, dariam a clara face de cada candidato. Por enquanto, o que a moçada assiste nas telas da TV é a face do ódio e as palavras de calúnia, injuria e difamaçao e essas posturas somente desmerecem a política e passa a mensagem de que política e políticos não são coisas de gente séria.

Quanto as mídias sociais talvez seja tarde para que se recuperem. A civilidade, o respeito e o bom senso há muito juntaram as malas e abandonaram a web. Evidentemente com raras e louváveis exceções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI