01 julho, 2015

Valmistas em franca campanha para as eleições da ANABB

Estou impressionada com a quantidade de valmistas que está se manifestando nos grupos, nos blogs e por emails. Perceberam uma coisa? Eles ficam só hibernando…hibernando… quando vem se aproximando qualquer eleição para PREVI, CASSI, ANABB, AAFBB e COOPERFORT, eles começam a disparar “comunicados”. E não é sem propósito, fiquei sabendo que a intenção deles é dominar todas as nossas caixas e associações. Como já estão na PREVI, a partir da vitória, contada como certa, nas eleições da ANABB,  já estão em campanha há muito tempo. E estão muito seguros  de que vão ganhar novamente a PREVI, vejam o diz Cecília Garcez Diretora na PREVI:

“Eu entendo que perder é difícil e que essa turma ligada ao Governo atual não entendeu ainda (depois de 1 ano) que perdeu a eleição da Previ e que poderá perder novamente no próximo ano.” Cecília Garcez.

Mais abaixo temos uma declaração de Denise Viana reconhecendo a disputa de poder entre valmistas e petistas. Ela esquece que o maior projeto de poder dentro da ANABB foi de seu marido o Sr. Valmir Camilo que “reinou” durante 20 anos, mas que felizmente, desmoronou, inclusive com a expulsão do próprio Sr. Valmir do quadro de associados da ANABB, deixando-os inconformados.  Vejam a declaração:

“Infelizmente, o que temos visto na ANABB são os interesses dos associados serem colocados de lado, dando lugar a um projeto de PODER.” Denise Viana

Outro valmista que não pára em época de campanha é o Carvalho, hoje Conselheiro na PREVI. Este senhor moveu mundos e fundos, disse que ía fazer e acontecer, com a finalidade de garantir o cabide de seu paletó lá dentro do nosso fundo de pensão, uma vez dentro: sumiu. Quando se teve notícias do dito cujo, foi para sabermos que o Conselho Deliberativo, conselho do qual faz parte, numa manobra espúria, havia aprovado a oficialização do indecente bônus, que tira, covardemente, do bolso de milhares de associados, uma quantia bastante significativa, e que, com razão,  deixou-nos totalmente indignados.

Porém, ao ser cobrado, o Sr. Carvalho posou de ofendido, inclusive, num tom bastante ameaçador. No entanto, ao perceber que a indignação dos associados é legítima, baixou a bola e agora diz que não vai mais se explicar, que não vai “bater bocas”, nem responder provocações. 


Interessante… quando em campanha, o senhor Carvalho não perdia uma só oportunidade de vender o seu peixe podre. Até parece… quer dizer que cobrar explicação é alimentar provocações? Ora, ora, ora… o cidadão se submete a um cargo, faz uma campanha acirrada, é eleito e depois não quer se explicar. Vejam o que diz o Sr. Carvalho, Conselheiro da PREVI:
 
“Otimizarei meu tempo e energias para enfrentar desafios. Continuarei me manifestando nos grupos e respondendo questionamentos dos participantes (donos). Porém, não alimentarei provocações e “bate bocas” infindáveis que não levam a nada.” Antônio Carvalho

Mais um valmista que volta e meia está derramando suas incongruências é o Sr. William Bento. Este senhor deveria se recolher a sua insignificância, posto que, além de ter agredido fisicamente a colega Elaine Michel, é talvez, o mais envolvido nas denúncia das maracutaias praticadas na gestão de Valmir Camilo. Portanto, uma pessoa que demonstrou comportamento emocional inadequado no exercício das suas funções como executivo e conselheiro da ANABB, por mais de dez anos, deveria abster-se de fazer qualquer comentário sob o aspecto ético e moral. Vejam que ele usa termos que se aplicam, mais propriamente, a sua pessoa:

“É muito comum a deturpação da verdade somada a ataques pessoais para fazer esquecer o conteúdo de uma denúncia, criando desvios no debate; tudo pensado para confundir e nada esclarecer. Assim, uma mentira contada muitas vezes, sem contestação, é entendida como verdade. Estratégia de comunicação.” Lillian Bento
 
Observemos que, no caso, qualquer semelhança é mera coincidência!

Algumas pessoas chamam-me de “corajosa” pelo fato de eu me manifestar contra tais abusos e até me dizem para “abrir os olhos” e não mexer com “certas" pessoas.  Inclusive, essas ameaças, estão postadas como comentários nas duas últimas postagens deste blog, antes desta. 

Eu não estou mexendo com ninguém. Estou defendo meus direitos de associada tanto do nosso fundo de pensão quanto da Cassi, da ANABB e da AAFBB. Eu não tenho medo de nada, não sou de me acovardar. Passei 20 anos associada a ANABB e por causa dessas irregularidades, sem questionar, em 07.07.2011, me desfilei. Depois da saída de Valmir Camilo,  em 12.04.2013, me filiei novamente. Portanto, vou me envolver mais na moralização da ANABB.

Além do mais, eu não estou inventando nada. Tudo que eu estou dizendo aqui pode ser comprovado, com riqueza de detalhes, no próprio site da ANABB, disponível para todos os associados daquela nossa associação. 

Leopoldina Corrêa

6 comentários:

  1. Na minha opinião não existe mais motivos que justifique a existência da Anabb, ela só defende o Banco. Que vantagem traz de concreto ao funcionalismo? Por não acreditar mais nessa instituição me desliguei da mesma de 2006.

    ResponderExcluir
  2. Para ver o Amaral risadinha fora da Anabb eu mando clonar 10 Valmirzinhos. PT nunca mais. Cut nunca mais.

    ResponderExcluir
  3. INTERESSANTE que vem vagabundo aqui, anônimo, criticar o Amaral e preferir 10 Valmirzinhos. São cretinos, pois Amaral É HOMEM SÉRIO, INCORRUPTIVEL, FOI CASSADO DA PREVI POR VOTO de Valmir e seus cumplices quando foram eleitos na PREVI e perseguiram o Amaral que era Diretor eleito por nós. CASSARAM O AMARAL e botaram no lugar dele, aquela Barbie tupiniquim, falsa loira Cecília que até usa lentes de contato azuis pra ficar mais loira falsa. Bando de vagabundos que não tem nem coragem de botar seu nome nas críticas. Eu sou Fernando Sampaio, aposentado desde 1972 e contribuinte da PREVI por toda uma vida!

    ResponderExcluir
  4. Fernando Sampaio, essa "estória" já foi matéria deste blog.

    É bem interessante que esses babacas venham falar mal e ameaçar sem mostrar a cara, porto que, assinam sua própria confissão de falta de hombridade e covardia.

    Acho que nos conhecemos: trabalhamos juntos em Senador Pompeu. Confere?

    Abraços,

    Leopoldina Corrêa

    ResponderExcluir
  5. A anabb existe mesmo para quê? o que temos de concreto hoje? o que me parece é que juntando todas as contribuições dá pra diretoria viver um vidão hein?

    ResponderExcluir

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI