29 janeiro, 2016

ELEIÇÕES CASSI 2016 - CHAPA DA ANABB

De: "Plural e Independente" <anabb@pluraleindependente.com.br>
Data: 28 de janeiro de 2016 18:43:46 BRST
Para: <graca.machado@anabb.org.br>
Assunto: ELEIÇÕES CASSI 2016 - CHAPA DA ANABB


Colegas,

Os quatorze (14) Conselheiros Deliberativo e três (3) Conselheiros Fiscais da ANABB, ELEITOS NO ÚLTIMO PLEITO, apresentaram para todo corpo de dirigentes da ANABB, a proposta ELEIÇÕES CASSI -2016:

No entanto, apesar da relevância e premência do assunto, até o momento a Diretoria Executiva da ANABB e os demais membros do diversos órgãos de direção da entidade, não se manifestaram.

PARECE QUE A GRAVE CRISE NA CASSI, E OS INCALCULÁVEIS RISCOS PARA A SAÚDE DOS ASSOCIADOS, NÃO FORAM CAPAZES DE SENSIBILIZAR AS LIDERANÇAS GOVERNISTAS INSTALADAS NA ANABB.

Amanhã, dia 29 de janeiro, SERÁ o último dia para inscrições de CHAPAS para as eleições da CASSI e a situação parece ser a seguinte:

FERNANDO AMARAL - Candidato a Diretor com apoio dos Petistas e Diretoria Executiva da ANABB, AAFBB, FENABB e Isa Musa.


MIRIAM FOCCHI - Tenta viabilizar sua candidatura sem apoio da CONTRAF-CUT, que preferiu negociar com AMARAL e aliados, em troca de futuro apoio ao Marcel na PREVI, para este seguir na Diretoria de Seguridade.


HUMBERTO ALMEIDA - Com os dissidentes do grupo do AMARAL, parte do PC do B, PSOL, PSTU, CONLUTAS e outras lideranças de esquerda.

Neste cenário, lamentamos ver que certos dirigentes e conselheiros nada fazem ou fizeram em prol da unidade na defesa da CASSI. Ademais, por interesses pessoais ou políticos, inviabilizaram a possibilidade de uma ÚNICA Chapa, ser apoiada pela ANABB, para maior respaldo no duro processo de ajustes que a CASSI terá que se submeter.
 

Vejam a integra do que foi proposto pelo Grupo Plural e Independente:

ELEIÇÕES CASSI - 2016.

         Os membros dos Conselhos Deliberativo e Fiscal da ANABB, signatários deste e-mail, propõem em relação às eleições CASSI - 2016, a constituição de uma Chapa com o apoio da ANABB, que reúna lideranças independentes, plurais e verdadeiramente éticas e transparentes.

         Essa medida se faz indispensável, considerando-se que a CASSI está atravessando, mais uma vez em sua história, um momento grave e delicado financeiramente. Em tal contexto, é necessária a presença de dirigentes comprometidos com os associados da nossa Caixa de Assistência, e desvinculados dos grupos políticos ideológicos, que hoje ocupam cem por cento (100%) dos cargos de direção da Entidade.

         Nos últimos quatro anos a ANABB desistiu de ser protagonista nos processos eleitorais da CASSI e da PREVI, limitando-se apenas a financiar as campanhas de todas as chapas envolvidas nos processos. Contrariamente, no mesmo período entidades como CONTRAF-CUT, FENABB, AAFBB, entre outras, apoiaram chapas, indicaram candidatos e utilizaram seus recursos financeiros em apoio, exclusivamente, aos grupos que favoreciam seus interesses.

         Ainda que em tais casos tenha prevalecido o discurso pseudodemocrático, na prática o que se viu foi o crescimento da presença de grupos alinhados ao governo e à direção do Banco, os quais venceram três das quatro eleições que aconteceram no período, elegendo todos os dirigentes da CASSI e a maioria dos dirigentes da PREVI.

         O fato é que os poucos dirigentes eleitos pelos associados, por não contarem com o apoio de uma Entidade forte como a ANABB, pouco ou quase nada puderam ou poderão fazer na defesa dos interesses dos associados da CASSI e PREVI.

O Banco só reconhece o poder dos dirigentes eleitos quando sabe que são respaldados por entidades que efetivamente estão dispostas a fazer o enfrentamento político e institucional, para garantir o exercício pleno de seus cargos e suas funções, na defesa e representação dos legítimos anseios dos associados.

Hoje na CASSI impera a Lei do Silêncio - ninguém sabe verdadeiramente o que acontece em nossa Caixa de Assistência, conduta esta favorecida pelo alinhamento político e ideológico para com o Governo e Banco.

         Pelo exposto, e considerando-se inclusive o pouco tempo para o debate com o quadro de associados da CASSI e com as forças verdadeiramente democráticas e independentes, os signatários deste e-mail, propõem a formação de uma comissão composta de três (3) membros do Conselho Deliberativo; um (1) membro do Conselho Fiscal; um (1) membro da Diretoria Executiva; e, um (1) representante dos DIREGs, para trabalhar pela composição e apresentação de uma Chapa para as Eleições da CASSI 2016, que possa representar a ANABB institucionalmente no mencionado pleito.

         Como medida de economia e para facilitar e acelerar o processo, preferencialmente, os indicados para a Comissão, poderão ser de Brasília.

         OBSERVAÇÃO IMPORTANTE: Nenhum dos signatários deste e-mail tem interesse em concorrer ao cargo de Diretor de Plano de Saúde da CASSI.

Brasília-DF 20 de janeiro de 2016.
 
Ana Landin - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Antônio Carvalho - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
Augusto Carvalho - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
Cecília Garcez - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Cláudio Zucco - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
Denise Vianna - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Emílio Rodrigues - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
Graça Machado - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Iris Carvalho - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Irmar Fonseca - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Maria do Céu - Conselheira Deliberativa da ANABB.
Nilton Brunelli - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
Tereza Godoy - Conselheiro Deliberativo da ANABB.
William Bento - Conselheiro Deliberativo da ANABB.

Williams Silva - Presidente do Conselho Fiscal da ANABB.
Anaya Carvalho - Secretária do Conselho Fiscal da ANABB.
Verdi Bezerra - Conselheiro Fiscal da ANABB.



3 comentários:

  1. A maioria (senão todos) dos DIREGs da ANABB não concordam com a proposta apresentada pelo Grupo Plural. Entendemos que deva ser mantida a postura da ANABB nos últimos pleitos, quando então a entidade não privilegiou esta ou aquela chapa. Concordamos com a estratégia de dar espaço e apoiar todos os candidatos no sentido de divulgarem suas propostas. Mais informação, sem viés, contribui para uma melhor decisão por parte dos colegas eleitores.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Ciro,
      "Há quem passe pelo bosque e só veja lenha para fogueira."Leon Tolstoi

      No momento estou muito ocupada, mas é o que posso te responder. Talvez mais tarde possa complementar essa resposta.


      Excluir
  2. Povo sem noção.... Grandes cretinos isso sim... A vida toda a ANABB dessas figurinhas carimbadas ai se juntou à articulação para fazer dobradinha e ganhar eleição na Cassi e na previ. Esses ai se juntavam aos cumpanheiros petralhas sem nem ficarem vermelhos de vergonha. Agora estão se aproveitando que a petralhada caiu em desgraça e ficam ai descendo o cacete. Duvido que encontrem uma só pessoa séria que tope fazer chapa com algum nome desses ai e eles sabem disso, tanto que já anunciam que não serão candidatos. Qualquer chapa que tiver um rastro dessa gente está fadada a perder de goleada 7 a 1 para a Alemanha.

    ResponderExcluir

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI