11 junho, 2013

PREVIC DETERMINA QUE O BANCO CUMPRA O TETO

Colegas.

Em 2008, o Banco do Brasil decidiu premiar seus altos executivos com aposentadorias milionárias, muito distantes do que podem conseguir o funcionário de carreira. Para esses "escolhidos" o Banco do Brasil mandava a PREVI computar para os cálculos de suas aposentadorias vantagens que nenhum outro funcionário teve, tem ou terá.

O colega Willian Bento era Conselheiro da Previ e apresentou denúncia e repassou à FAABB. Também o colega Luiz Carlos Teixeira, denunciou a manobra.
 

A FAABB representou junto a PREVIC contra esse ato de gestão temerária do Banco do Brasil que violentava os principios da Previdência Complementar, onerava nossa Previ e criava uma casta de aposentados milionários.

Eis que no dia de hoje, 11 de junho de 2013, a PREVIC após longo exame das nossas denúncias, com todo esforço do Banco do Brasil em recorrer e protelar a assunção de seu equivoco, DETERMINOU QUE A PREVI ESTABELEÇA O TETO DE APOSENTADORIA E MAIS: CONDENA OS PRIVILEGIADOS QUE JÁ FORAM BENEFICIADOS COM ALTAS APOSENTADORIAS A DEVOLVER O QUE RECEBERAM DESDE ABRIL DE 2008 DE FORMA ABSOLUTAMENTE IRREGULAR.

A FAABB reafirma que essa grande vitória é de todo o funcionalismo que protestou, escreveu em grupos e blogs, enviou protestos a jornais, ao Banco, a Previ e a PREVIC.

Quanto a FAABB nós apenas cumprimos nosso dever de proteger os recursos da PREVI contra atos temerários do Banco do Brasil

Vejam na íntegra o DESPACHO DA PREVIC.


http://www.slideshare.net/leopoldinacorrea3/oficio-previc-copy

A FAABB cumprimenta a todas as Associações de Aposentados, a AAFBB, a ANABB e a todo o funcionalismo do BB, pois essa é uma vitória de todos.


Esta vitória nos dá força para insistir na coleta de assinaturas em apoio ao PDS 275 do Senador Paulo Bauer que susta a Resolução 26.
Divulguem e assinem:
http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=FAABB

Isa Musa de Noronha


22 comentários:

  1. TEM MUITA GENTE COMEMORANDO A DECISÃO.
    NÃO SEI POR QUE. UMA VEZ QUE A MEDIDA NÃO VAI BENEFICIAR A QUEM MAIS PRECISA, QUE É A MASSA DE APOSENTADOS ENDIVIDADOS?
    ESSE DINHEIRO RECEBIDO IRREGULARMENTE POR ELES, DIRETORES, QUE VAI SER DEVOLVIDO, VAI PARAR NA CONTA DE QUEM? NOSSA?
    FINALMENTE, O QUE ESTÃO COMEMORANDO?

    ResponderExcluir
  2. Colega,
    Nossa luta é pela moralidade na PREVI. O BB queria transformar seus altos executivos em aposentados milionários. Com essa decisão que conseguimos graças a luta de tantos, inclusive você, sobrarão recursos sim, para o patrimônio da Previ, para assegurar que os recursos da Previ sejam transferidos para garantir nossas aposentadorias e pensões ate o último de nossos dias. Pode festejar colega.

    ResponderExcluir
  3. A colega Isa Musa e os colegas Willian Bento e Luiz Carlos Teixeira obtiveram, em nosso favor, brilhante vitória na PREVIC, impedindo que o Patrocinador mantivesse por mais tempo essa ignominiosa atitude discriminatória na PREVI. Se o BB quer pagar a mais na aposentadoria de seus dirigentes, que o faça com seus próprios recursos. Isto significa que nosso patrimônio, no que se refere a este excesso, será recomposto. Neste aspecto, como diria o colega Edgardo, a PREVIC, representando o Estado Brasileiro, cumpriu seu dever de proteção dos fundos previsto na LC 109/2001. Fica pendente ainda, a meu ver, o fato de o Patrocinador poder utilizar fundos em seu nome existentes na PREVI. Mas isto é outra matéria que creio será resolvida pelos projetos do Senador Paulo Bauer e do Deputado Berzoini, eis que ambos impedem a tal "reversão de valores" ao patrocinador. Parabéns caros colegas que lutam com denodo protegendo-nos contra essas ações deletérias.

    Luiz Faraco

    ResponderExcluir
  4. Recomendo a Sra. Isa que se escude em Deus, arrume uns bons amuletos contra inveja e olho gordo, pois tem muita gente por ai que ja morre de inveja dela e agora vai se rasgar de ódio e despeito por mais essa vitória. Vejo que a Sra. Isa divide essa grande vitória com todos. Pois é. Liderança é isso, humildade e trabalho.

    ResponderExcluir
  5. ESTOU FELICISSIMO COM ESSA DECISÃO PARA ACABAR COM ESSA ROUBALHEIRA AGORA VAMOS LUTAR PARA QUE AUMENTEM NOSSOS PROVENTOS QUE ESTÃO SUPERDEFAZADOSE E PELO MENOS PELOS 80% PARA AS PENSIONISTAS ACABARAM AS MORDOMIAS, GRAÇAS A DEUS

    ResponderExcluir
  6. O melhor dessa decisão da PREVIC é que todos os que se aposentaram com benefícios inflados terão de devolver. Gostaria de ver a cara de alguns. Acho que Dona Isa deve se precaver com bons amuletos, pois esse pessoal deve estar odiando a nossa brava colega. Ah, como é bom o gosto da vingança!

    ResponderExcluir
  7. Corre em Brasília boatos de que a turma do Gabinete da Presidência do Banco não está dando conta de atender tantos telefonemas dos ex dirigentes que terão de devolver o que receberam. Muito bom que levem ferro!

    ResponderExcluir
  8. Hehehe, agora vai sobrar para dar um aumento melhor para pensionistas e aposentados.

    ResponderExcluir
  9. Temos que criticar mas temos também que elogiar, reconhecer quando alguma coisa deu certo.Essa decisão não trará benefícios imediatos mas lavou nossa alma. Parabéns Isa!

    ResponderExcluir
  10. É mesmo um momento feliz. É muito bom ver uma CASTA de privilegiados às custas dos nossos Benefícios e agora ver que os felinos terão que devolver o que nos surrupiaram e ainda saber que daqui pra frente não vai existir mais esta farra.

    É revoltante pensar que muitos destes apadrinhados ganham num mês o que muitos de nós leva UM ANO para receber.

    É pouco! Queremos mais moralização como esta!

    O Abaixo Assinado em apoio ao PDS 275 do Senador Paulo Bauer pode ser mais uma vitória.

    Leopoldina Corrêa

    ResponderExcluir
  11. Ilustre Dra. ISA MUSA:


    Será que dá decisão da PREVIC cabe algum "recurso" por parte do BB?

    ResponderExcluir
  12. Com 25 anos de contribuição, me aposentei recebendo um benefício de pouco mais de 890,00, (oitocentos e noventa reais). Pelo irrisório valor, certamente não vou ter que devolver nada a Previ, é claro. Mas, por uma questão de justiça, não seria correto a Previ, ao tempo em que exigir a devolução de quem recebeu a maior, compensar também a quem recebeu a menor? Se isso ocorrer, terei motivos para comemorar a recente decisão.
    Se isso, porém, não acontecer, continuarei achando essa manifestação festiva, com ar de vitória, tudo uma IMBECILIDADE por parte dos manifestantes.
    Primeiro, porque a Constituição não permite reduzir salário de ninguém,
    e Segundo, essa decisão não vai nos beneficiar N U N C A!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua revolta pessoal não lhe dá direito de agredir outras pessoas. Aqui não se trata de afronta à Constituição Federal, mas de fixação de teto-limite para contribuições e respectivos benefícios. O benefício em nosso favor é imediato, pois deixam de drenar parte dos recursos da PREVI, necessários para o realinhamento do Plano 1. Anonimo és, então anônimo também ficarei...

      Excluir
  13. Isa, minha paixão eterna, minha estrela, minha vida, meu tudo.
    Da um jeito nós salários das pensionistas amor. Estamos no maior aperto das nossas vidas, tenha compaixão dessa pobre sofredora pensionista da Previ. Te amo em Cristo

    ResponderExcluir
  14. PS: (nós) É muita inspiração

    ResponderExcluir
  15. Voces acham que 890,00 para quem contribuiu por 25 anos, está certo? Concordo contigo, anonimo. das 19;23
    Esse anonimo que discordou deve estar dentro dos grandões que terão que devolver dinheiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Negativo, não estou entre os tais "grandões". O que me referi foi a maneira incivilizada com que o colega se expressou. Educação é bom e se aprende em casa.

      Excluir
  16. Aos eternos pessimistas de plantão posso lembrar que não estamos falando de “redução de salários”, mas correção de cálculo de aposentadoria inicial majorada por inclusão de verbas ilegais. Vão devolver sim, ou o BB vai assumir e ficar com o prejuízo. E vos pergunto: quando o Banco do Brasil vai tirar de seus cofres ou dos Fundos que acha que tem na Previ para assumir problema de “aposentado”? Acham que o Tribunal de Contas vai permitir prejuízo do BB para socorrer aposentado? Acham que o acionista majoritário, o tesouro Nacional vai ser bonzinho com aposentado? Esses ex-dirigentes que hoje estão aposentados são nada para o Banco. O Banco jamais estenderá a mão a eles. Eles “foram” dirigentes. Hoje não são nada mais.

    ResponderExcluir
  17. O infeliz ai que reclama ter se aposentado com oitocentos paus, diz ser imbecilidade festejar uma decisão que transforma o alto escalão do BB em aposentados como quaisquer outros. A decisão cassa privilégios que no futuro iriam pesar na conta da PREVI afetando nossos benefícios futuros. É coisa de quem olha o próprio umbigo.

    ResponderExcluir
  18. Sou o anônimo do beneficio de 890. Pessoal, como deve ser conceituada a pessoa que, embora não se saia beneficiada, comemora festivamente a derrota do outro?

    QUANDO É QUE ESSA DECISÃO DA PREVI VAI SOBRAR POSITIVAMENTE PARA NÓS?

    Diante, pois, da atual conjuntura política, comandada pelo PT e Cia, continuo cada vez mais convencido de que aposentados da previ não serão beneficiados financeiramente NUNCA. Nem que a RESOLUÇÃO 26 SEJA EXTINTA OU ANULADA.

    ResponderExcluir
  19. O Banco vai assumir os valores pagos indevidamente.
    Vai utilizar recursos dos SEUS (dele ou nossos?) 50% do superávit.
    A própria PREVIC assim sugere.
    Cabe derrubar a resoluçãao 26, e, aí sim comemorar por completo.

    ResponderExcluir
  20. É mais fácil mensaleiros na cadeia do que essa turna devolver cascalho. edmílson em januária mg.

    ResponderExcluir

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI