30 novembro, 2013

ELEIÇÕES DA PREVI - JA COMEÇOU ?


                    NOTA DA COMISSÃO ORGANIZADORA DA NOVEMBRADA
                

            A Sra. Célia Larichia procurou um dos membros da nossa comissão e solicitou do mesmo que lhe enviasse cópia da Notificação Extrajudicial entregue à Diretoria da Previ.  Ora, se ela faz parte  dos poderes da PREVI e nossa notificação está publicada no nosso site, qual a intenção daquele pedido? Aliás, depois de tudo que a diretoria da AAFBB aprontou nas eleições daquela NOSSA entidade, sermos recebidos por Célia Laríchia e Odali fazendo parte da mesa na PREVI foi uma decepção.

Ao tomar conhecimento de que o colega, inocentemente, atendera ao seu pedido, imediatamente liguei para a Sra. Célia Laríchia informando-a de que ela não está autorizada a usar nossa reivindicação nos seus encontros de campanha antes que a PREVI nos dê qualquer retorno. Evidentemente que ela não gostou e reagiu dizendo que só queria ajudar, etc. Esta ajuda nós estamos dispensando. Não queremos ser usados como propaganda política de ninguém.

 A NOVEMBRADA foi um evento popular, espontâneo, dos Aposentados Independentes. Nenhuma associação é dona do movimento, nem a ANAPLAB, pois ali estava e sempre estará como colaboradora. Nós escolhemos assim, exatamente para tirar qualquer caráter institucional do movimento. Todos nós que comparecemos viemos de longe e muito longe e por nossa conta! Pagamos por nossas despesas e, infelizmente, alguns colegas do Rio, que deveriam nos ajudar, fizeram o contrário: tentaram nos usar com fins eleitoreiros, como foi o caso da Cecília Garcez, do Gerardo Santiago e Célia Laríchia.


Quero tecer algumas considerações muito importantes. O blog da Sra. Cecília Garcez dá uma versão que não condiz com a realidade, vejam:

“foi muito importante a "novembrada" e gostaria de dar os parabéns para o Ari Zanella que tomou a iniciativa”
A iniciativa da Novembrada NÃO foi do colega Ary Zanella. Quem deu início a esta manifestação  foi Leopoldina Corrêa, Diretora de Comunicação e Marketing da ANAPLAB, o  colega Ary Zanella é Presidente da ANAPLAB, Associação que deu apoio logístico e financeiro para que o nosso Evento se concretizasse.
“apenas o Diretor de Seguridade apareceu para ouvir as demandas dos associados. Ele não gostou muito do que ouviu e saiu sem responder às inúmeras perguntas e cobranças formuladas pelos colegas.”
Não é verdade. Na minha postagem anterior, imediatamente abaixo desta, temos o Diretor Marcel Barros falando ao megafone e respondendo a várias perguntas, inclusive uma por Elisa Maniaudet  que se dirigiu forma muito agressiva e desrespeitosa ao diretor como podemos comprovar no vídeo.
Este circo armado por Cecília Garcez é vergonhoso. Provocando tumulto exigindo a presença dos diretores foi uma estratégia vulgar, ineficaz e completamente inútil, posto que, não fomos até lá buscar respostas imediatas, todos nós sabíamos da existência de uma Pauta de Reivindicações para a qual demos um prazo de 10 (dez) dias úteis para a obtenção de uma resposta.
“A nota divulgada pela Previ não demonstra o que realmente aconteceu, pois se a comissão foi recebida com "muito respeito" e "honraria", não foi o que aconteceu com os demais aposentados que foram ignorados pelos dirigentes”
Mais uma vez Cecília Garcez falta com a verdade. Fomos recebidos com muito respeito e educação sim, por que de nossa parte a recíproca sempre foi verdadeira a partir das tratativas para que o encontro acontecesse. Porém, não tenho conhecimento de nenhuma honraria.
O meu convite aos meus colegas de bem, foi para irmos à rua reivindicarmos nossos direitos. No entanto, eu Leopoldina Corrêa, preocupada com a faixa etária dos manifestantes entrei em entendimento com Marcelo Coelho, Chefe de Gabinete da Presidência da PREVI, através do colega Aldo Alfano que nos deu a certeza de seríamos recebidos, inclusive com algumas solicitações atendidas, tais como apoio médico e policial, até uma ambulância de plantão para o caso de  haver alguma emergência. NÃO se pode dizer que os demais aposentados foram ignorados pelos dirigentes porque o auditório foi liberado com serviço básico de copa, ou seja água e cafezinho. Eu sou radicalmente CONTRA este governo petista, mas o comando da nossa Previ está nas mãos de gente nomeada por ele. Fazer o quê? Brigar com eles? Desrespeitá-los? Seríamos extremamente tolos em fechar esta porta. 

Portanto, sei exatamente o quê Cecília Garcez e Carvalho pretendiam na NOSSA Novembrada.
 
O que muitos ainda não perceberam é que a campanha para as eleições da PREVI já começou! Velhos parceiros, velhos cúmplices, que durante anos dividiram o “condomínio” PREVI visando seus próprios interesses, estão tentando se juntar novamente. Refiro-me aos “órfãos” do ex-presidente da ANABB, os que se autodenominavam “Time da ANABB”, que, mesmo com o fato do poderoso chefão ter caído em desgraça, ainda tentam soprar cinzas e avivar a chama recuperando espaço dentro da PREVI. A esses agora tentam se somar figurinhas carimbadas da AAFBB. Aqueles que, em matéria de ambiçao, o céu é o limite.

Fica aqui um alerta aos sempre crédulos aposentados e pensionistas da PREVI.... Se não tomarem cuidado, se se deixarem engambelar pelo canto da sereia, vão eleger outra vez o mesmo grupelho que por anos transforma nossa PREVI em nossa pior algoz.

Leopoldina Corrêa
Diretora de Comunicação e Marketing da ANAPLAB

17 comentários:

  1. Valeu colega Leopoldina, continue falando a verdade e esclarecendo-nos, para que não venhamos a votar em gente errada mais uma vez. Vale também para outras eleições ...
    Josué Jorge Junior
    Castro PR

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico-lhe grata colega Josué. Embora tenham tentado desvirtuar as finalidades da Novembrada vou estar sempre alerta para que nossa manifestação não venha servir de "santinho" de campanha para os que se servem da nossa Previ e Cassi como candidatos profissionais.

      Excluir
  2. Não haverá disputa na próxima eleição da PREVI. A ANABB, acertadamente, hoje não mais financia chapas, em respeito à pluralidade de seu corpo social. Sem a ANABB, a CONTRAF CUT ganha fácil, pois já se articula com a AAFBB e o que restou do grupo de Valmir Camilo. Aposto que serão 4 chapas concorrentes: uma, formada pela CUT, mais gente do Valmir, mais AAFBB; outra, dos malucos da SEMENTE; outra do PSTU; outra, a chapa branca que o Banco sempre lança. Com essa conformação política a CONTRAF CUT e aliados vence com mais de 80% dos votos válidos.

    ResponderExcluir
  3. Laerte escreveu: "Leo, gosto muito desse seu espírito voluntarioso de ser. Não mede esforços para solucionar problemas e ajudar o grupo, de forma desinteressada e altruísta. Mas, e essa Célia Larichia? Eu a tinha no mais alto conceito. De uns tempos para cá, não sei não. Ela vai ser um Gilberto Santiago de saias? Afinal, mesmo sabendo que nós estaríamos disputando esse pleito, em desigualdade de condições, ela vem e aceita, passivamente, as orientações do atual presidente da AAFBB, e vai tomar posse, POR ACLAMAÇÃO, na segunda-feira, dia 02/12, dando a todos nós o pior presente de Natal de todos os tempos? E é mesmo, porque, realizar eleições desse jeito, só Brasil, só na AAFBB mesmo... Estamos em péssimas mãos, s.m.j. de sua parte ou de outros que a queiram defender. Eu não."

    ResponderExcluir
  4. Por pior que possa parecer a eleição por aclamação é um procedimento natural, legal em entidades onde não há chapa contrária. Se nas eleições PREVI tiver só uma chapa, também não haverá votação e essa chapa única será empossada por aclamação. A questão não é a aclamação, mas o ridículo regulamento eleitoral que dificulta a inscrição de chapas. Só isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. So isso! E você acha que é de quem a autoria deste Regulamento ridículo? Minha? Sua? Claro que não! É lógico que da eterna diretoria que quer se perpetuar no comando da AAFBB, uma entidade genuinamente dos idosos, mas que os idosos não podem sequer pensar em se candidatar. Por acaso, Célia Larichia é idosa?

      Excluir
  5. Carlos Valentim Filho Valentim disse...
    Obrigado pela comunicação. Parece que as ambições já começam a fervilhar. Os interessados em se beneficiar dos ganhos que nosso PB-1 proporciona aos seus dirigentes, já buscam inspiração para formular suas plataformas de promessas. Abraço.

    ResponderExcluir
  6. Lázara Rabelo disse...
    Parabéns amiga Leo Leopoldina Corrêa! Vc demonstrou mais uma vez ser uma grande e incansável guerreira! infelizmente não pude estar presente na Novembrada, mas torci muito p/q corresse td na normalidade e surtisse resultados positivos,a favor de tds nós! Grande abraço

    ResponderExcluir
  7. Luiz Faraco disse...

    Prezada Leopoldina,

    Grato pela chamada de atenção e pela remessa dos links.

    Continuo acompanhando à distancia, mas procurando ficar cada vez mais atento às diversas manobras denunciadas em seu blog, que considero de interesse público, ao menos para todos os aposentados e pensionistas que estejam vinculados aos diversos fundos de pensão fechados.

    Cordialmente,
    Luiz Faraco

    ResponderExcluir
  8. Berenice disse...

    Leo, parabéns.
    Sem agressividade e sem violência.
    Vamos em frente, não desista.
    Berenice

    ResponderExcluir
  9. Sergio Reis disse...

    Vocês souberam muito bem nos representar. Só merecem respeito e muitos elogios, pois conseguiram quebrar o "gelo" entre a PREVI e seus verdeiros donos. Vamos em frente.

    ResponderExcluir
  10. Manoel de Oliveira Rosa disse...
    Cara Leopoldina, algo para você pensar:

    Alguém já disse que “os maus estão sempre unidos, essa é a sua força”; e o contrário ocorre com os bons, que acham que sua idoneidade é suficiente para se protegerem contra as injustiças, mas infelizmente não é assim.

    E esse individualismo e falta de articulação ao longo do tempo acabou cristalizando­ nossa fraqueza, e de há muito nossas vozes solitárias ecoam no vazio e não conseguem repelir as injustiças que nos agridem.

    E o desânimo que resulta disso venda nossos olhos e nos impede de enxergar todas as manobras que sorrateiramente arquitetam contra nós e nos empurram goela abaixo.

    Exemplo disso é o acordo espúrio firmado entre a Previ e a Cassi para fazer com que a contribuição destinada a esta última incida também sobre o valor do benefício temporário. Basta examinar o estatuto da Cassi para ver que a incidência da contribuição é apenas sobre a remuneração. Ora, se o tal benefício é “remuneração” então não pode ser “temporário”. Mas a necessidade pela qual estava passando a maioria dos colegas era tão grande que essa manobra passou despercebida. E embora o valor desse desconto adicional possa ser considerado pequeno, tenho certeza de que faz falta para muitos dos colegas e, além disso, é um desconto ilegal.

    Mas felizmente o mal não dura para sempre, e essa articulação a que vocês deram início está soprando e se espalhando como um vento benfazejo a sacudir os acomodados e dar ânimo aos descrentes e desiludidos.

    Assim, sem querer tomar teu precioso tempo, apreciaria que examinasse comigo a questão aqui posta, para ver se não estou raciocinando de forma equivocada e injusta.

    Grande abraço

    Manoel

    ResponderExcluir
  11. Leopoldina,

    Eu leio bastante seu blog e todos os blogs de aposentados como forma de me manter atualizado sobre nossas lutas.

    Gostei da lógica que você apresentou nessa postagem, pois afinal sabemos que tudo tem interesse eleitoral. Mas, por ocasião da novembrada, ao ler o blog da Cecília Garcez achei um comentário de um colunista, que escreve em seu blog, que contrasta com toda a sua exposição.

    Copio abaixo o comentário:

    Adaí Rosembak disse...
    Cecília Garcez,
    De todos as apresentações nesse encontro, a sua foi a melhor.
    Pena que você não pudesse ter se estendido mais em razão de ter de dar espaço para outros expositores.
    Não adianta só ter profundo conhecimento dos temas abordados ( que você esbanja), é preciso ter capacidade de comunicação, ser conciso e objetivo nas apresentações.
    Você foi fenomenal em todos esses itens.
    Parabéns.
    Adaí Rosembak
    26 de novembro de 2013 21:20

    Por favor Leopoldina, esclareça qual foi a verdadeira postura... a narrada por você ou a descrita pelo colunista Rosemback...

    À distância, a única informação que temos são os relatos e informativos dos blogs...

    Saudações,
    Jaime Leal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Jaime,

      Muito obrigada por acompanhar meu blog, mas veja, o meu estilo é esportivo: al star, chapeu, camiseta, nada de marca, até porque meu benefício não permite exageros.

      Já a cecília faz o estilo "Patricinha". Não importa o evento, ela está sempre com os cabelos sempre bem escovados roupas de grife, não vai aqui nenhuma crítica, ela pode. Vai ver que é por isso que o Adaír se encantou com o canto da sereia e cobriu de elogios, porque se você tivesse comparecido à Novembrada teria visto como todo mundo viu o quanto ela quis APARECER. Fora a pressão que ela, a Cecília, o Carvalho e a Loreni fizeram para participar da Comissão Organizadora, sem que para isso tivessem feito absolutamente NADA.

      Aliás, fizeram sim, quanto viram que a Novembrada virou uma realidade, muita gente quis nos passar a perna, tentado pegar carona e/ou assumí-la. Foi o caso de ambas: a Cecília que queria que o Sr. Valmir Camilo, com o fabuloso banco de email dele convidando todos os associados da Previ. A Loreni, que soltou um comunicado no site da AAFBB convidando para uma manifestação na porta da Previ, sem dizer o nome da Novembrada, sem falar o nome da Comissão organizadora. E, se você acompanha mesmo este blog, verá que tem uma matéria denunciando isto.

      Fiz o que você pediu.

      Grande abraço,

      Leopoldina Corrêa

      Excluir
    2. Adaí Rosembak disse...
      Leopoldina,

      Por favor, esclareça ao Sr. Jaime Leal que compareci à Novembrada que foi um movimento iniciado por você com o apoio da ANAPLAB.

      Pessoalmente, não tenho qualquer posição política que não seja a de apoiar os aposentados em suas reivindicações.

      Enquanto a comissão se reunia com a direção da Previ, os demais presentes à Novembrada se reuniram em um saguão cedido pela direção do Mourisco.

      Vários oradores se destacaram em suas apresentações e, entre esses, destaco a Cecília Garcez e o Madeira.

      A Cecília Garcez falou com muita precisão sobre a situação dos pré-97 e o Madeira também  fez uma preleção bem abrangente sobre diversos problemas que nos atingem.

      Elogiei a Cecília Garcez através de seu  blog e só não elogiei o Madeira porque não tenho o e-mail dele.

      Deixo de citar outros oradores por não ter gravado seus nomes e pela extrema falta de comodidade do saguão que tinha um número exíguo de cadeiras.

      A maioria das pessoas teve de ficar em pé ou sentadas.

      Cedi meu assento para uma senhora e saí do recinto pois não estava me sentindo bem.

      Quanto à postura a  que o Sr. Jaime Leal se refere respondo que a  postura da pessoa  Leopoldina Correa é condizente com o espírito democrático do blog Olhar de Coruja, o qual ela dirige e que, como a própria Leopoldina Correa  sempre ressaltou, existe em apoio às nossas causas.

      Se houveram atritos entre a comissão organizadora do evento e correntes políticas envolvidas na condução da Novembrada isso é outro assunto. Não foi esse o tópico que abordei.

      Sinto-me inteiramente a cavalheiro para criticar ou elogiar oradores e  comentar  temas específicos que dizem respeito aos interesses dos aposentados e pensionistas do BB, dentro do espírito democrático que norteia o blog Olhar de Coruja.

      Repito  que não sigo qualquer corrente política, não estou filiado a qualquer grupo  e não aceitaria colaborar com um blog que seguisse uma linha stalinista de pensamento rígido e único.

      O espírito aberto e democrático do blog Olhar de Coruja é o seu grande mérito.

      Atenciosamente

      Adaí  Rosembak

      Excluir
  12. Sra. Leopoldina,
    Gostaria que a senhora tirasse um dúvida. O Carvalho a que a Senhora se refere no texto o mesmo do Conselho Fiscal da ANABB? Vi no sitio da ANABB que ele foi contra aprovar auditoria para ajudar na apuração do caso seguro. É isso mesmo? ele é da turma do Valmir?

    Lamentável, Sra. Leopoldina, tenho acompanhado o Carvalho e pensava que era uma pessoa que nem agente, comprometido com os interesses dos participantes da PREVI. Mas me decepcionei profundamente com o seu voto no conselho fiscal da ANABB (sitio).

    Outra decepção é a Sra. Cecília Garcez, de tudo que eu acompanho tinha ela em boa conta. Achava que ela defendia os nos interesses também, mas da mesma maneira, no sitio da ANABB, consta que ela foi a Brasília e juntamente com Graça Machado, mulher muito respeitada nas questões da Cassi, junto com Sr. Augusto de Carvalho, Dep.Federal e outros não derem quórum a uma reunião que estava convocada para entregar a Comissão de Etica o caso seguros.

    O que será que leva essas pessoas a se posicionarem dessa forma?

    Talvez muitas questões a Senhora não tenha resposta, mas deixo registrada aqui a minha decepção, minha tristeza sobre o comportamento de pessoas que eu tinha em alta conta.

    Acreditar em quem? corre na boca pequena que a Sra. Cecília recebe acima do teto. Será que é verdade? Não pode ser né? se for em quem acreditar???

    Um grande abraço.

    Maria Bernadete

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara Bernadete,

      Em primeiro lugar vamos deixar os tratamentos formais de lado, nada de Sra. e/ou dona. Pode me tratar por Leopoldina ou, simplesmente, se preferir, Leo.

      Vamos ao que interessa: colega, exatamente. Antonio Carvalho, atual membro do Conselho Fiscal da ANABB, já  era daquele  Conselho quando ocorreram as primeiras denúncias que ficaram sem ser analisadas na Comissão de Ética, pois naquele ano, a despeito de alguns conselheiros terem pedido, a maioria não aprovou.

      Quanto a Cecília, ela própria assume, em seu blog, que se aposentou sem observância de teto.

      Queria lhe dizer que este blog tem o apoio jurídico da colega advogada Neusa Vegini e há certos assuntos que não devo comentar publicamente. No entanto, se for do deu interesse, podemos trocar emails e aí sim, poderei lhe esclarecer o que estiver em alcance. Ademais, aque neste blog há uma aba chamada ANABB - DENÚNCIA, a qual atualizo todos os dias.

      Espero que você entenda a minha precaução, posto que, não falta quem queira me ver escorrer em algumas “cascas de banana”. Caldo de galhinha e cautela nunca fizeram mal a ninguem, não é mesmo?

      Meu email: leopoldinaconta@gmail.com

      Grande abraço,

      Leopoldina
       

      Excluir

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI