04 setembro, 2013

Relatório “BB x PREVI”

Caríssimos colegas,

Há algum tempo me tornei membro da Anistia Internacional já com a intenção de denunciar os saques que o Banco do Brasil fez, faz e continuará fazendo na nossa PREVI, se providências não forem tomadas.

Procurei meu mestre Tollendal e comentei com ele esta minha intenção e pedi que ele me ajudasse e instruísse. Tollendal falou que não poderia, mas sabia de alguém que tinha esta mesma vontade: Ebenézer. Também me aconselhou a procurar o Ruy Brito para nos auxiliar.

Ao ser procurado, o Ruy lamentou não poder contribuir intensamente devido a vários compromissos já assumidos, mas que daria todo suporte que precisássemos, através da Isa Musa, que tem todo  o acervo documentado. A Isa imediatamente se dispôs a ajudar e, me arrisco a dizer, que  sem a sua preciosa ajuda, este trabalho não teria se concretizado.

Eu e Isa temos nos mantido em contato direto, via Skype e por e-mail, com Ebenézer que está em Israel e que foi o autor intelectual e o portador do Relatório MODEP ao “Comitê de Basiléia para Supervisão Bancária” de quem estamos aguardando qualquer manifestação.

No anexo está a íntegra desse Relatório para conhecimento de todos. O arquivo está em pdf., de modo a preservar toda a formatação original, inclusive tabelas e gráficos, conforme recomendação expressa de Ebenézer, pois sem tal cuidado a compreensão do trabalho fatalmente será prejudicada.

Boa leitura!

Atenciosamente,

Leopoldina Corrêa





Prezados amigos,


Tenho a enorme satisfação de informar que o relatório “BB x PREVI” foi apresentado pela UNAMIBB ao “Comitê de Basiléia para Supervisão Bancária”, de quem estamos aguardando qualquer manifestação.   Depois de uma longa espera fica, portanto, liberado da condicionante de sigilo, podendo ser divulgado. 


Clique aqui para acessar ao Relatório


Devido às características de que se revestiram os entendimentos com o referido Comitê, vale relatar resumidamente as tratativas que, a partir de 06/agosto, mantive por telefone e por e-mail com o "staff" e com o Secretário-Geral Adjunto da entidade, sr. Bill Cohen, visando à marcação do encontro para entrega pessoal do relatório.


Surpreendentemente, enfrentei resistência, levando-me a supor que houve algum tipo de alerta por parte do Banco ou da própria PREVI.  O sr. Cohen respondeu-me, mesmo sem ler o relatório, que não podia nos ajudar, que deveríamos procurar o Banco Central do Brasil e antecipou posição negativa à apreciação do assunto.


Em consequência, e antes que recebesse um telefonema ou e-mail em que ele se negasse a receber o próprio relatório, decidi estrategicamente enviar o documento por correio (com AR), o que foi feito em 18/agosto (entregue ao destinatário em 23/ago, às 15:30h).  Na prática, o temor de devolução do documento me levou a retardar esta comunicação ao grupo até que tivesse a confirmação da entrega.


Creio que devemos encaminhar o relatório às demais entidades internacionais listadas, principalmente à vista da reação inicial do Comitê de Basiléia.  Para tanto, estou contando novamente com Isa Musa que, concordando com minha posição, declarou que se empenhará para que a UNAMIBB concorde em subscrever o envio do documento a outras entidades internacionais.


Devido à sua extensão, e desconhecendo a “mecânica” das mensagens nos grupos, sugiro que, neles, o relatório seja divulgado da seguinte maneira:

a)     que seja “hospedado” no site do grupo, de forma a poder ser consultado na íntegra por quantos tiverem interesse;

b)     que, se possível,  a mensagem de divulgação contenha algum parágrafo da “Introdução”, de forma a despertar o interesse dos colegas.

c)      Nos casos em que relatório seja enviado na íntegra, que o seja como anexo, de forma a preservar a apresentação a qual tem importância na exposição do assunto.



A propósito, com referência à apresentação do documento ao BACEN em  15.03.2013, informo que ainda não houve qualquer reposta ou manifestação daquele órgão a respeito.



Cordialmente


Ebenézer

 Anexo:  Carta de encaminhamento por Correio
Aug.15th, 2013







To

The Basel Committee on Banking Supervision







Att. of the Deputy Secretary General

Mr. Bill Cohen





Dear Sirs,







We are sorry to hear your answer that “the Basel Committee is not in position to render an opinion or guidance on this matter”, before even have read the report  “Banco do Brasil x PREVI”, which content exactly concerns to the Committee's supervisory duty.



Regarding to your sugestion that we should direct our concerns to Banco Central do Brasil,  we clarify that it has already been done.  The report has been handed over to that Central Bank by “FAABB-Federation of Associations of the Retired from Banco do Brasil”, as well as to some Brazilian Congressmen.



So, always in the professional way, we decided to introduce the report to you too, exactly because of the supervisory duty that you are committed to.



We are now sending the said report to you by post in the convincement that the information that it contains will render assistance to your task on banking supervising.







Yours faithfully







Ebenezer W. A. Nascimento

On behalf of Unamibb, as the person in charge

to deliver the report to The Basel Committee







===============================================================-



TRADUÇÃO DO TEXTO PRINCIPAL:



Lamentamos ouvir sua resposta de que o “Comitê de Basiléia não está em posição de prestar uma opinião e uma orientação sobre o assunto”, antes mesmo de ter lido o relatório “BB x Previ”, cujo conteúdo diz respeito exatamente às obrigações de supervisão desse Comitê.



Com referência à sua sugestão de que deveríamos primeiramente apresentar nossas preocupações ao Banco Central do Brasil, esclarecemos que isso já foi feito.  O relatório foi entregue àquele Banco Central pela FAABB-Federação das Associações de Aposentados do BB, bem como a diversos parlamentares brasileiros.



Portanto, sempre dentro de um procedimento de profissionalismo, decidimos apresentar o relatório também a esse Comitê, exatamente devido aos deveres de supervisão a que está comprometido.



Estamos remetendo o relatório por Correio, no convencimento de que as informações que ele contém servirão para prestar assistência às suas tarefas de supervisão bancária.






10 comentários:

  1. Antes que alguma decisão - pró ou contra - do BACEN, particularmente - certamente uns 70% da galera do Plano 1 já terá partido, entre estes EU, naturalmente !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro Carlos alberto,

      Enquanto há vida há esperança, não se desanime tanto assim. Quem sabe um dia, não muito distante, o jogo vire a nosso favor.

      Grande abraço,

      Leopoldina

      Excluir
    2. Um blogueiro dessa turma mandou uma cartinha para o Obama, reclamando do Bank of Brazil (que acredito seja o Banco do Brasil S A, nome como é conhecido internacionalmente) e agora mais uma querendo pendurar melancia no pescoço. Será que sdomos tão tolos a ponto de não perceber o que esses colegas querem? E ainda procuram envolver colegas experientes e com nome reconhecidos na nossa luta nesse circo. Respeitem-nos.
      Chico Silva.

      Excluir
    3. O que "esses colegas querem", cara pálida de codinome Chico Silva? Não preciso de melancias no pescoço, pois ao trabalhar em conjunto com o Ebenézer para levar ao BIS os escândalos do BB eu o faço em defesa da PREVI, em minha defesa e até em sua defesa, embora evidentemente você sequer mereça. Vá trabalhar, é bom quem sabe você se acostuma.

      Excluir
  2. Ebenezer,

    Eu não gostaria de precisar novamente ter que retificar afirmações improcedentes da colega Leopoldina, no entanto, ela falta com a verdade na questão de que o link indicado na minha mensagem não seria do blog do ACORDA-BB.

    A colega está me acusando de "roubar" a informação do site da FAABB e não posso deixar de esclarecer que a denúncia não corresponde a realidade

    Vc sabe que eu não estava conseguindo inserir a matéria do relatório com a formatação original, mas ontem com a ajuda do colega Raposo consegui colocá-la no ar e achei melhor divulgar o link novamente. Aproveitei p/ convidar os colegas p/ lerem a outra matéria tb de sua lavra (ALERTA - risco de longevidade).

    Veja o link divulgado:
    http://acordabb.files.wordpress.com/2013/09/relatorio-do-colega-enenc3a9zer-bb-x-previ.pdf

    onde se lê claramente "acordabb.files.wordpress.com"

    O relatório BB x PREVI tb poderá ser acessado através da página inicial do blog acorda-bb (http://acordabb.wordpress.com/ ), clicando no atalho que está inserido em destaque (na parte azul a direita da página inicial do blog do acorda-bb).

    Não vejo nenhum problema qto aos colegas acessarem o seu brilhante trabalho, através de um blog ou de outro. Para mim não faz a menor diferença. Até peço p/ outros colegas blogueiros fazerem a divulgação tb.

    Eu não divulguei os nomes dos seus colaboradores na minha mensagem porque não participei diretamente do processo e não tinha conhecimento de seus nomes, portanto achei mais conveniente não me envolver nesta questão, p/não correr o risco de esquecer alguém.

    Vc foi o 1º colega a ser convidado por mim e pela Cleide p/ integrar o grupo ACORDA-BB e sou muito grata pela honra que nos concede de estar conosco até hoje. Exatamente por você pertencer ao ACORDA-BB, tem pleno conhecimento de que no nosso grupo temos como objetivo, a divulgação e a conscientização da nossa comunidade, não estamos preocupados em ter exclusividade de matérias e muito menos com qtos acessos terá o nosso blog.

    É extremamente triste constatar que no afã de denegrir a imagem de outros, e no desejo de obter os holofotes para si, existem alguns colegas que disparam sua metralhadora sem tomar o menor cuidado com o alvo que podem atingir.


    Abçs
    Daisy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senhores,

      Como a má vontade impera nas relações desses que pregam união, mas semeiam tempestades, é preciso deixar claro que:

      PRIMEIRO: O trabalho é de autoria de Ebenézer, mas só foi possível ser levado a termo graças à colaboração da UNAMIBB, de Ruy Brito, de Isa Musa e de Leopoldina Corrêa. Ninguém mais, nenhum outro colega ou associação moveu uma palha sequer para isso.

      SEGUNDO: Os créditos, sou eu quem dou à FAABB, pois no meu blog Olhar de Coruja, o link direciona para as páginas da FAABB.

      TERCEIRO: Trabalho com mídias e um dos princípios éticos que norteiam as matérias é o respeito às fontes.

      QUARTO: O trabalho do companheiro Ebenézer SOMENTE foi entregue às autoridades internacionais porque a UNAMIBB o assinou! Fosse apenas uma denúncia assinada por uma pessoa, Ebenézer, talvez não tivesse representatividade e o próprio Ebenézer reconhece isso. Nenhuma outra entidade teve CORAGEM de assinar. Não fosse a UNAMIBB, o profícuo Relatório que traz a limpo as relações espúrias entre o BB e a PREVI cairia no esquecimento.

      Isso se chama dar crédito a quem de direito.

      Muito me admira que a senhora Daisy, que a todo momento cobra atitudes das Associações, numa hora dessas em que somente a UNAMIBB assinou, venha querer dar crédito a "muitos colegas e associações".

      Retrate-se! Tenha a dignidade de atribuir os créditos a quem de fato fez algo!

      Leopoldina Corrêa

      Excluir
  3. Muito me admira polemica em torno da autoria do relatório. O EBENEZER fez, com colaboração dos citados nomes e a UNAMIB. Um trabalho árduo, trabalhoso e brilhante e GRAÇAS A UNAMIBB, com o devido encaminhamento.
    Como esperado, filho bonito , todo mundo quer assumir a paternidade. Principalmente os sangue sugas. Recebi o relatório no começo da semana, troquei ideia com o Ebenezer sobre a melhor forma de divulgação. Publiquei nos grupos que aceitavam anexo e a Leo, que participou desde o inicio, alocou no olhar de coruja com os devidos créditos. No dia seguinte apareceu em outro blog , sem os créditos. Como sempre, tenho todos os e-mails que comprovam as datas.
    Nada a estranhar - isto é regra dentre eles. NUNCA atribuir o crédito devido aos que fazem, se não dividem interesses, ou se apropriar deles, desqualificando quem fez e ainda COBRANDO! SIMPLES ASSIM.

    ResponderExcluir
  4. Sou sócio da UNAMIBB desde o nascimento dessa brava entidade e sei que mineiramente a UNAMIBB não se vangloria dos seus feitos. Trabalha em silêncio. Com toda a certeza sua diretoria sequer aprova receber louros por cumprir seu dever. Discussão totalmente desnecessária de gente que quer aparecer às custas do dedicado trabalho dos outros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é caro colega anônimo aí de cima. A sra. Daisy, poderia simplesmente ter se poupado deste vexame.

      De fato uns fazem e outros pegam carona na aba do chapéu.

      A colega Leopoldina trabalhou silenciosamente e depois publicou em seu próprio blog e está muito claro que a colega Dayse que há muito tempo diz que trabalha e não apresenta absolutamente NADA, não só não gostou de ver a colega Leopoldina Corrêa brilhar como ainda quis desvalorizar o seu trabalho.

      É Daisy você pisou na bola e foi muito deselegante ao dizer que a colega estava lhe acusando de roubo, não seria o inverso?

      Excluir
  5. Ah! Agora estou entendendo tudo! A Daisy não é uma das cabeças da Semente da união? Que união que nada... esta turma é do mal.

    Fizeram de tudo para cercar nosso grande Rui Brito por que ele é o nome mais respeitado no nosso meio e esta tal de Semente da "União"tem o nome mais rejeitado e desvalorizado e se acham a última jujuba do pacote, peninha do nosso Rui.

    ResponderExcluir

O blog Olhar de Coruja apoia AMIR SANTOS - No 5 - candidato a DIRETOR DE PLANEJAMENTO NA PREVI